CabeçalhoConteúdoNewsletterRodapé

Cotações por TradingView

Vale a pena comprar uma ação fracionada?

23 de maio de 2022
Escrito por Guide Investimentos
Tempo de leitura: 5 min
Compartilhar
imagem ilustrativa
Tempo de leitura: 5 min

Quem deseja investir no mercado de ações precisa conhecer as diferentes alternativas disponíveis nesse ambiente de negociações. Nesse sentido, é fundamental saber o que é uma ação fracionada — especialmente se você está aportando com pouco dinheiro.

Essa pode ser uma forma interessante de começar a operar no mercado de ações, pois não é preciso ter grandes quantias de capital para investir. Contudo, o mercado fracionário apresenta particularidades que precisam ser compreendidas por você para evitar equívocos e prejuízos.

Ficou interessado e quer saber mais sobre como negociar uma ação fracionada? Então continue a leitura deste artigo e tire suas dúvidas!

O que é uma ação fracionada?

Para saber se vale ou não a pena comprar uma ação fracionada, antes é necessário compreender o que é esse ativo. Na verdade, trata-se da mesma ação negociada normalmente no mercado. A diferença é que a fração facilita o investimento para quem tem poucos recursos financeiros.

Desse modo, uma ação fracionada dá ao investidor os mesmos direitos de propriedade sobre sua porção adquirida da empresa. Contudo, a negociação dos ativos ocorre utilizando um número de ações inferior ao lote padrão, como você entenderá adiante.

O que é o mercado fracionário?

Além de entender o que são ações fracionárias, é necessário compreender o mercado em que ela é negociada — o mercado fracionário. Ele pode ser compreendido como uma forma de negociação de ativos em que não se usam os lotes padrão.

Logo, o mercado fracionário é o espaço da bolsa de valores brasileira (B3) no qual são negociadas ações avulsas. Em geral, no mercado tradicional são comprados e vendidos lotes padrões que apresentam 100 ações.

Portanto, o mercado fracionário permite aos investidores negociar entre 1 a 99 ações. Essa é uma forma de dar ao investidor a oportunidade de negociar seus ativos a partir do preço unitário, e não de lotes mínimos.

De forma prática, se uma ação custa R$ 50,00, seria preciso um investimento mínimo de R$ 5.000,00 para investir no mercado tradicional. Já comprando unidades de ações no mercado fracionário, você pode investir a partir de R$ 50,00.

Quais as vantagens e desvantagens desse mercado?

Agora que você entende o que é uma ação fracionada e o mercado no qual ela é negociada, é possível aprofundar o assunto e avaliar as vantagens e desvantagens de comprar esse ativo.

Para isso, acompanhe as informações a seguir!

Vantagens

Com relação às vantagens de comprar ações em frações, a principal delas diz respeito à capacidade de reduzir o capital necessário para investir nos papéis. Como no mercado fracionário não há necessidade de comprar um lote padrão, o acesso aos investimentos é facilitado.

Somado a isso, está o estímulo aos investidores principiantes. Quem tem interesse em entrar no mercado de renda variável pode não estar disposto a investir grandes quantias de capital no começo. Assim, optar pelas ações fracionárias pode ajudar a aprender mais sobre os investimentos.

Além disso, é importante notar que essas ações também possibilitam que o investidor faça aportes regulares com mais facilidade, já que as compras são mais acessíveis. Então é possível manter o hábito de comprar ações com frequência mensal, por exemplo, a partir do mercado fracionário.

Desvantagens

Além das vantagens, é importante prestar atenção às desvantagens. Nesse sentido, o principal aspecto diz respeito aos custos envolvidos na negociação. É o caso da taxa de corretagem, cobrada para remunerar os serviços da corretora.

Como a compra de frações envolve mais negociações, há incidência de taxas em cada uma. Assim, se você comprar um lote de 100 ações, pagará a corretagem por uma única operação. Já se a compra for realizada em frações de 10 ao longo de um prazo maior, serão 10 negociações taxadas.

Portanto, será necessário pagar a corretagem dez vezes, uma vez que a cobrança está ligada à ordem de compra. Dessa forma, no caso das negociações no mercado fracionário, a taxa de corretagem tende a ser proporcionalmente maior.

Também vale a pena considerar a liquidez, pois ela é menor no caso de ações fracionárias. Como a maior parte das negociações da bolsa ocorrem em lotes padrão, a demanda por lotes fracionários tende a ser menor — o que pode dificultar a capacidade de liquidar o ativo.

Vale a pena comprar uma ação fracionada?

Depois de conhecer as principais informações sobre as ações fracionárias, é natural se questionar se vale ou não a pena comprar papéis dessa forma. Contudo, essa é uma questão individual, cabendo exclusivamente a cada investidor decidir se deve investir assim.

Apesar disso, é possível seguir alguns passos para auxiliar em sua tomada de decisão. Nesse sentido, você deve considerar o seu perfil de investidor e objetivos financeiros.

Saiba mais sobre eles!

Perfil de investidor

O investimento em ações envolve a renda variável, que apresenta maiores riscos devido à volatilidade. Diante disso, é necessário que você identifique sua tolerância ao risco antes de investir. Isso se dá pela avaliação do seu perfil de investidor.

Existem três tipos possíveis, sendo eles:

  • conservador: investidores que priorizam a segurança do investimento, ainda que isso signifique rentabilidades menos atrativas;
  • arrojado: aqueles que buscam por melhores opções de rentabilidade, estando dispostos a correr maiores riscos para isso;
  • moderado: em um meio-termo entre os dois anteriores, os moderados buscam por melhores oportunidades de rentabilidade, mas também buscam maior segurança em parte de seu capital.

Objetivos financeiros

Além de identificar sua tolerância ao risco, é necessário estipular de forma clara seus objetivos financeiros. Lembre-se de que o dinheiro é um meio para alcançar determinado fim. Portanto, é indispensável saber o que você deseja alcançar com cada um dos investimentos realizados.

Nesse contexto, a compra de ações fracionadas pode ajudar investidores conservadores e moderados, por exemplo, que tenham o objetivo de começar na renda variável aos poucos. Esse mercado também pode servir a qualquer investidor que queira aportar menos dinheiro na bolsa.

Agora você sabe que comprar uma ação fracionada pode ser uma alternativa para começar a investir no mercado de renda variável ou para quem quer negociar ações sem ter grandes quantias de capital. Contudo, é necessário considerar os riscos e vantagens para tomar decisões mais acertadas.

Quer saber mais sobre como investir no mercado financeiro de forma correta? Então acesse O Guia Financeiro!

Guiar as pessoas para que o dinheiro não limite a vida. Este é o nosso propósito e o que acreditamos. Queremos eliminar as barreiras e limitações que impedem as pessoas de viverem sem ter que ficar só preocupadas com dinheiro. Aqui, no portal O Guia Financeiro, te auxiliamos e ensinamos diversas formas de alcançar a sua independência e sempre te lembramos de contar com os nossos Assessores-Guias com o objetivo de alcançar seus sonhos e objetivos.

Veja também