+0,00% R$0,00
+0,00% R$0,00
Carregando...

Renda Fixa: A hora e a vez dos Prefixados

E para quem tem preferência ou interesse em investir nos Títulos de Renda Fixa, os Prefixados estão sendo os queridinhos daqueles que querem fugir da Selic a 6,50%.

Além disso, muitos investidores gostam de saber exatamente qual será o valor a ser resgatado no vencimento, característica também atendida por esse tipo de rendimento.

Mas o que significa aplicar em um Título Prefixado?

Eles oferecem uma determinada taxa que não irá se alterar no decorrer do tempo. Independentemente do que aconteça em nossa economia, a taxa contratada será mantida, se levada até o vencimento.

Enquanto a curva de juros permanecer aberta, podemos continuar tendo boas oportunidades para esse investimento que normalmente é esquecido dentro do leque de opções de Renda Fixa.

Como posso investir em Prefixado?

Títulos Públicos:

Você pode comprar Tesouro Direto Prefixado e Prefixados com Juros Semestrais, cujos vencimentos disponíveis hoje são para 2021, 2025 e 2029.

Títulos Privados:

São papéis emitidos por Instituições Financeiras como: CDBs, LCAs, LCIs, LCs que possuem a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) e variam de 1 a 7 anos, nas condições de hoje, por exemplo.

Quanto estão pagando?

Hoje conseguimos chegar naqueles tão sonhados 1% ao mês ou até mais, dependendo do prazo. Algo impensável para os pós-fixados no cenário atual. Ou seja, é importante pensar por quanto tempo você poderá deixar o valor aplicado e assim verificar a melhor taxa do dia (lembrando que as taxas variam todos os dias).

E, para finalizar com o alerta de sempre: os Prefixados podem ser ótimos, mas sempre o caminho da diversificação é o mais acertado possível.

Bitnami