Pompeo: há consenso bipartidário sobre ameaça representada pela China

Tempo de leitura: 1 minuto

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, afirmou que há consenso bipartidário em Washington “sobre a ameaça do Partido Comunista Chinês (PCC)”. Em visita ao Senado de Wisconsin, nesta quarta-feira, Pompeo fez uma série de alertas sobre a influência chinesa, que seria diferente de outras, citando o Instituto Confúcio e questões como o financiamento de viagens. O secretário indicou que o PCC pode tentar buscar ligações independentes com Estados americanos, o que não seria uma “cooperação”, mas uma ameaça à soberania. A ida de Pompeo ao Senado de Wisconsin foi a primeira de um secretário de Estado.

Para ajudar a Casa Branca, o secretário sugeriu que congressistas “podem passar normas de cooperação com o governo federal para proteção de propriedade intelectual” e assegurar que seus pares “não estão sendo influenciados por chineses”. Ele reafirmou que a ideia de trazer liberdade a Pequim por meio do comércio não está funcionando, e que apenas está alimentando o comportamento “opressivo” da China, como no caso das violações de direitos humanos. Pompeo afirmou ainda que o que está acontecendo em Hong Kong é “prova do problema da China com compromissos”.

Relacionados

EUA atingem marca de 50% dos adultos vacinados com a primeira dose

Metade dos adultos dos Estados Unidos recebeu pelo menos uma dose da vacina contra a covid-19, anunciou o governo do país [...]

Estadão - 19/04/2021

EUA já aplicaram 1ª dose de vacina em mais da metade da população adulta

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, o País já aplicou a primeira [...]

Estadão - 18/04/2021

Acidente de trem no Egito deixa ao menos 11 mortos e 100 feridos

Um acidente de trem na província de Qaliubia, norte do Cairo, no Egito, deixou 11 mortos e ao menos 100 feridos [...]

Estadão - 18/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções