PSB, com uma senadora, declara apoio a Simone Tebet para presidência do Senado

Tempo de leitura: 1 minuto

O PSB declarou apoio para Simone Tebet (MDB-MS) na disputa pela presidência do Senado. O partido tem uma integrante na Casa, a senadora Leila Barros (DF). Com isso, a candidata do MDB soma quatro partidos na aliança, incluindo a própria bancada, e 28 senadores, sem contar as divisões internas.

Tebet também atraiu o apoio do Podemos e do Cidadania. O senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), por sua vez, fechou acordo com nove legendas, que representam 41 senadores, número suficiente para uma vitória na eleição. Dos dois lados, porém, há dissidências. No dia da eleição, o voto é secreto.

Uma nota assinada como posicionamento oficial do PSB e da senadora justifica a escolha pela possibilidade de o Congresso ter a primeira mulher como presidente, além de independência em relação ao Palácio do Planalto. Leila Barros é aliada de Davi Alcolumbre, mas faz parte de um partido de oposição ao governo e decidiu se aliar à candidata do MDB. “A candidatura inédita de uma mulher à presidência do Senado é um fato histórico.”

“Simone Tebet garantirá independência e autonomia para o Senado e o Congresso Nacional. A senadora também demonstrou em diversos momentos que tem capacidade para dialogar com diversas lideranças políticas”, diz a nota.

Para contrapor o favoritismo de Pacheco, apoiado pelo atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e pelo presidente Jair Bolsonaro, Tebet decidiu apostar em uma bandeira de independência em relação ao Executivo. A intenção é formar um discurso único com o candidato Baleia Rossi (MDB-SP), candidato à presidência da Câmara, para contrapor o Palácio do Planalto na sucessão.

Relacionados

Técnicos do TCU apontam omissões de Braga Netto

A área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU) recomenda aos membros da Corte a abertura de um processo para [...]

Estadão - 18/04/2021

Na Economia, não é possível delegar tudo ao Posto Ipiranga, diz Leite

Em evento neste sábado com presidenciáveis, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), afirmou que não é possível [...]

Estadão - 17/04/2021

Brasil é rico por natureza e pobre por escolha, diz Huck

Para o apresentador e empresário Luciano Huck, o Brasil tem todas as condições de liderar uma agenda global tecnológica para integrar [...]

Estadão - 17/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções