Canadá: comitê não aconselha uso de vacina da AstraZeneca em maiores de 65

Tempo de leitura: 1 minuto

O principal comitê consultivo sobre imunização do Canadá recomendou nesta segunda-feira, 1º, que a vacina contra covid-19 produzida pela AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, não seja administrada a pessoas com 65 anos de idade ou mais no país, citando evidências insuficientes sobre a eficácia para aquele grupo.

A avaliação do Comitê Consultivo Nacional sobre Imunização está alinhado com países europeus, e foi entregue três dias após o regulador de medicamentos do Canadá ter autorizado o uso da vacina da AstraZeneca. A agência afirmou que a vacina atende aos requisitos de segurança, eficácia e qualidade e pode ser administrada a pessoas de todas as idades.

No entanto, “os dados são insuficientes para determinar a eficácia em indivíduos com idade igual ou superior aos 65 anos”, afirmou o Comitê. Itália e Alemanha seguem linha semelhante, e não administram as vacinas em pessoas acima dos 65 anos.

Fonte: Dow Jones Newswires.

Relacionados

ITE-Facamp cai 0,50% em fevereiro ante janeiro, com ajuste sazonal

O Índice de Tendência Econômica da Facamp (ITE-Facamp) caiu 0,50% em fevereiro ante janeiro, considerando a série com ajuste sazonal, depois [...]

Estadão - 16/04/2021

EUA/Psaki: Cúpula do Clima irá galvanizar apoios contra mudanças climáticas

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, mostrou nesta sexta-feira otimismo com a Cúpula do Clima, convocada pelo presidente Joe Biden [...]

Estadão - 16/04/2021

Pandemia, juro baixo e dólar caro fazem disparar as vendas de imóveis de luxo

Pandemia, juros baixos e a disparada do dólar provocam, desde meados do ano passado, um aquecimento geral do mercado imobiliário, um [...]

Estadão - 16/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções