Dólar: Bolsonaro diz debater sobre o que fazer ‘legalmente’ para conter alta

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta quinta-feira, em transmissão ao vivo para redes sociais, que mantém conversas com ministros e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, para entender os motivos da alta do dólar ante o real e se algo pode ser feito para atenuar o movimento.

“Tenho conversado sempre com os ministros e o presidente do Banco Central (sobre) o que a gente pode fazer pro dólar não subir tanto, o que o governo pode fazer legalmente, obedecendo às regras do mercado”, afirmou Bolsonaro. O presidente não deu mais detalhes sobre essas conversas.

O comentário do mandatário foi feito em um momento da transmissão no qual ele falava dos motivos pelos quais o arroz tem ficado mais caro no País. Além da questão cambial, Bolsonaro atribuiu ainda ao aumento da demanda por causa do auxílio emergencial.

Instantes antes, o presidente reforçou que não vai interferir no mercado para baixar os preços do alimento. “O que tem de valer é a lei da oferta e da procura”, disse Bolsonaro.

Relacionados

Saldo da carteira de crédito dos bancos deve crescer 1,1%, diz Febraban

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) calcula que o saldo total da carteira de crédito dos bancos brasileiros deve mostrar crescimento [...]

Estadão - 23/04/2021

Vacina da AstraZeneca continua a ter balanço de benefícios positivo, diz EMA

A Agência de Medicamentos Europeia (EMA, na sigla em inglês) afirma que os benefícios da vacina da AstraZeneca contra a covid-19 [...]

Estadão - 23/04/2021

Investidores cobram até R$ 60 bi da Petrobras em processos de arbitragem

A Petrobras está envolvida em cinco grandes processos de arbitragem - modalidade de resolução de conflitos sem a participação do Poder [...]

Estadão - 23/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções