Biden diz que apoia mudanças nas regras de obstrução do Senado dos EUA

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta terça-feira, 16, que apoia o retorno da exigência de que os senadores estejam presentes e falando no plenário para bloquear projetos de lei, enquanto os democratas exploram a revisão da regra de obstrução legislativa como uma maneira de limpar o caminho para a sua agenda política.

Os comentários marcaram uma mudança para Biden, que representou o Estado de Delaware no Senado dos EUA por 36 anos e afirmou anteriormente que preferia preservar a obstrução em vez de se livrar dela.

“Não acho que você tenha de eliminar a obstrução, você tem de fazê-la como costumava ser quando eu cheguei ao Senado nos velhos tempos”, disse Biden, em entrevista à ABC News. “Você tinha de levantar e dominar o plenário, você tinha de continuar falando.”

Quando perguntado sobre se isso significava que ele está apoiando o retorno da obstrução por fala, uma ideia apoiada por cada vez mais senadores democratas, Biden respondeu: “Eu estou. Isso é o que deveria ser.”

Os comentários de Biden foram feitos no mesmo dia em que o líder da minoria no Senado, o republicano Mitch McConnell, ameaçou paralisar a Casa se os democratas fizerem qualquer alteração na obstrução.

“Este caos não abriria uma via expressa para uma mudança liberal. Não abriria uma via expressa para a presidência de Biden entrar rapidamente nos livros de história”, disse McConnell em um discurso nesta terça-feira, 16. “O Senado seria mais como um engavetamento de cem carros. Nada se movendo.”

Faltam ao menos dois votos para que os democratas tenham os 51 necessários no Senado para acabar com a obstrução legislativa, uma medida que abriria caminho para o avanço de uma legislação abrangente sobre direitos de votos, imigração, regulamentação de armas e outras medidas que não devem atrair apoio dos dois partidos.

Relacionados

Índia bate recorde de casos e enfrenta carência de vacinas contra covid-19

Maior produtor de vacinas do mundo, a Índia enfrenta problemas em sua produção de imunizantes contra a covid-19, com milhões de [...]

Estadão - 18/04/2021

Terremoto de magnitude 5,9 atinge sul do Irã, diz agência estatal

Um terremoto de magnitude 5,9 na escala Richter atingiu as províncias de Bushehr e Fars, no sul do Irã, neste domingo, [...]

Estadão - 18/04/2021

França quer diálogo mas apoia sanções à Rússia por 'comportamento inaceitável'

O presidente da França, Emmanuel Macron, defendeu que outros países mantenham diálogo com a Rússia, mas também apoiou sanções contra o [...]

Estadão - 18/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções