Bolsonaro reafirma oposição a PL que facilita venda de terras a estrangeiros

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente da República, Jair Bolsonaro, reafirmou sua oposição ao projeto de lei (PL) em tramitação no Congresso que facilita a venda de terras a pessoas físicas e jurídicas estrangeiras. A apoiadores no Palácio da Alvorada, ele alegou que, com a exclusão de área de 150 km a partir das fronteiras do País, o texto aprovado pelo Senado supostamente abriria brecha para “entregar 8% do Brasil”.

O PL 2.963/2019, de autoria do senador Irajá (PSD-TO), permite que estrangeiros comprem terras até o limite de 25% do território de municípios.

Aqueles de mesma nacionalidade ficam restritos a 10%. “Tem país aí que vai comprar (terras brasileiras) e vai comprar coisa boa”, disse o presidente.

Na transmissão ao vivo em redes sociais feita na última quinta-feira, 24, véspera de Natal, Bolsonaro já havia anunciado que vetará o projeto, se ele for aprovado pela Câmara dos Deputados.

Relacionados

Pandemia provocou ruptura estrutural do modelo de ajuste sazonal, diz IBGE

A melhora de 3,7% no volume de serviços prestados no País em fevereiro ante janeiro deve ser olhada com cautela, porque [...]

Estadão - 15/04/2021

Varejista ganha queda de braço com o Mercado Livre no Cade

O tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) negou na quarta-feira, 14, recurso apresentado pelo Mercado Pago, empresa de pagamentos [...]

Estadão - 15/04/2021

Orçamento põe Bolsonaro sob risco de perder base no Congresso ou Guedes

A novela da sanção do Orçamento está longe de um capítulo final. Em reunião na terça-feira, 13, à tarde no Palácio [...]

Estadão - 15/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções