Evans: estou decepcionado com Tesouro por suspensão de programa de financiamento

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente da distrital de Chicago do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Charles Evans, afirmou nesta sexta-feira, à rede CNBC, que está “decepcionado” com o Tesouro após a suspensão da linha empréstimos de emergência estabelecidos com a instituição. O programa se encerra em 31 de dezembro e teve o seu fim decretado ontem pelo secretário Steven Mnuchin. Em carta ao presidente da autoridade monetária, Jerome Powell, Mnuchin disse que os instrumentos “claramente alcançaram seu objetivo”. Evans declarou ainda que, dado os riscos, deve haver “apoio em todas as direções”. O dirigente tem poder de voto nas reuniões de política monetária do ano que vem.

Relacionados

Bolsas da Ásia fecham mistas, com perdas na China e ganhos no Japão

As bolsas da Ásia do Pacífico fecharam sem direção única nesta quinta-feira, 6, com os negócios voltando a ganhar liquidez uma [...]

Estadão - 06/05/2021

AB InBev tem lucro líquido de US$ 595 milhões no 1º trimestre

A AB InBev registrou lucro líquido de US$ 595 milhões no primeiro trimestre de 2021, segundo balanço da empresa divulgado nesta [...]

Estadão - 06/05/2021

AB InBev: Carlos Brito vai deixar o comando da empresa em 1º de julho

O engenheiro carioca Carlos Brito, de 61 anos, vai deixar o comando da Anheuser-Busch InBev no dia 1º de julho, anunciou [...]

Estadão - 06/05/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções