Alguns utilizam manifestações para criar ambiente de ódio e confronto, diz Maia

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), classificou como “absurdo” o disparo de fogos de artifício contra o Supremo Tribunal Federal (STF). “Alguns utilizam manifestações para criar um ambiente de ódio e confronto. No sábado, foi o auge aquela cena absurda de fogos mirados acima do STF”, disse Maia nesta terça-feira, 16.

Questionado sobre a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro, em manifestações com expressões antidemocráticas, Maia respondeu que o presidente “não carrega faixa”.

“Ele estar perto de manifestantes gera um certo constrangimento, mas ele não falou a favor daquelas faixas”, avaliou o presidente da Câmara.

Maia voltou a repetir declarações de que o importante nesse momento é a união dos três Poderes.

Ele comentou ainda sobre o decreto do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), desta terça-feira que fechou a Esplanada dos Ministérios. “Qualquer fechamento mesmo necessário é muito ruim”, disse. Mas afirmou que é preciso garantir a segurança de todos.

Relacionados

Deputados do Psol vão à Justiça contra demissão de superintendente da PF do AM

Deputados do PSOL apresentaram nesta terça-feira, 20, uma ação popular à Justiça Federal do Amazonas a fim de suspender a demissão [...]

Estadão - 20/04/2021

Câmara inicia ordem do dia com debate sobre nova Lei de Segurança Nacional

A Câmara abriu a ordem do dia com o debate do requerimento de urgência para votar um projeto de lei para [...]

Estadão - 20/04/2021

Verba federal ajuda a pagar custeio e 13º nos Estados

Alvo da CPI da Covid, a maneira como os Estados aplicaram a maior parte dos recursos enviados pelo governo federal como [...]

Estadão - 20/04/2021

Alguns utilizam manifestações para criar ambiente de ódio e confronto, diz Maia

Tempo de leitura: 1 minuto

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), classificou como “absurdo” o disparo de fogos de artifício contra o Supremo Tribunal Federal (STF). “Alguns utilizam manifestações para criar um ambiente de ódio e confronto. No sábado, foi o auge aquela cena absurda de fogos mirados acima do STF”, disse Maia nesta terça-feira, 16.

Questionado sobre a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro, em manifestações com expressões antidemocráticas, Maia respondeu que o presidente “não carrega faixa”.

“Ele estar perto de manifestantes gera um certo constrangimento, mas ele não falou a favor daquelas faixas”, avaliou o presidente da Câmara.

Maia voltou a repetir declarações de que o importante nesse momento é a união dos três Poderes.

Ele comentou ainda sobre o decreto do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), desta terça-feira que fechou a Esplanada dos Ministérios. “Qualquer fechamento mesmo necessário é muito ruim”, disse. Mas afirmou que é preciso garantir a segurança de todos.

Relacionados

Deputados do Psol vão à Justiça contra demissão de superintendente da PF do AM

Deputados do PSOL apresentaram nesta terça-feira, 20, uma ação popular à Justiça Federal do Amazonas a fim de suspender a demissão [...]

Estadão - 20/04/2021

Câmara inicia ordem do dia com debate sobre nova Lei de Segurança Nacional

A Câmara abriu a ordem do dia com o debate do requerimento de urgência para votar um projeto de lei para [...]

Estadão - 20/04/2021

Verba federal ajuda a pagar custeio e 13º nos Estados

Alvo da CPI da Covid, a maneira como os Estados aplicaram a maior parte dos recursos enviados pelo governo federal como [...]

Estadão - 20/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções