Índice de sentimento econômico da zona do euro sobe a 101 em março (previsão 96)

Tempo de leitura: 1 minuto

O índice de sentimento econômico da zona do euro, que mede a confiança de setores corporativos e dos consumidores, subiu de 93,4 pontos em fevereiro para 101 pontos em março, atingindo o maior nível desde o início da pandemia de covid-19, segundo dados publicados nesta terça-feira pela Comissão Europeia, braço executivo da União Europeia. O forte avanço neste mês ocorreu apesar de um aumento no número de casos da doença e problemas enfrentados pelas campanhas de vacinação terem levado países do bloco a adotar restrições mais severas.

O resultado de março veio acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta do indicador a 96 pontos.

Apenas a confiança do consumidor avançou de -14,8 pontos em fevereiro para -10,8 pontos em março, confirmando estimativa prévia, enquanto a da indústria aumentou de -3,1 pontos para 2 pontos no mesmo período, superando previsão de estabilidade, e a de serviços melhorou de -17 pontos para -9,3 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Relacionados

EUA sustam envio de navios de guerra ao Mar Negro, em meio a tensão Otan/Rússia

O governo dos Estados Unidos cancelou o envio de dois navios militares ao Mar Negro, em meio ao acirramento das tensões [...]

Estadão - 15/04/2021

No final da recuperação, crescimento em 'V' foi atenuado, diz presidente do BC

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, repetiu nesta quinta-feira, 15, que a economia brasileira teve formato de recuperação muito [...]

Estadão - 15/04/2021

Produção industrial nos EUA sobe 1,4% em março ante fevereiro

A produção industrial dos Estados Unidos cresceu 1,4% em março, na comparação com fevereiro, informou nesta quinta-feira o Federal Reserve (Fed, [...]

Estadão - 15/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções