Grupo interministerial tem 90 dias para propor plano de retomada da economia

Tempo de leitura: 1 minuto

O governo federal criou um grupo de trabalho interministerial para pensar ações estruturantes e estratégicas para recuperação, crescimento e desenvolvimento do País, em resposta aos impactos relacionados ao novo coronavírus. O grupo funcionará no âmbito do Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento da Covid-19 e será coordenado pela Casa Civil da Presidência.

O plano final de ação do grupo deve ser apresentado em até 90 dias e inclui propostas de medidas normativas e legislativas, articulação com Estados, municípios e empresas públicas e a proposição de diretrizes para a destinação de emendas parlamentares por meio de articulação com o Congresso Nacional. O grupo deverá apresentar ao ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto, relatórios parciais de suas atividades a cada 15 dias.

Além da Casa Civil, integram o grupo os ministérios das Relações Exteriores, Defesa, Economia, Infraestrutura, Agricultura, Minas e Energia, Ciência e Tecnologia, Meio Ambiente, Turismo e Desenvolvimento Regional, e ainda Controladoria-Geral da União, Secretaria-Geral da Presidência, Secretaria de Governo da Presidência, Gabinete de Segurança Institucional da Presidência e Advocacia-Geral da União. A criação do grupo está formalizada em resolução publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Relacionados

Mercado de balcão: o que é e como funciona?

Quem busca negociar ativos financeiros depara-se com um ambiente de comercialização em que as partes seguem regulamentações previamente estabelecidas, sejam eles [...]

Syntax Finance - 20/04/2021

Arrecadação de março e do 1º trimestre tem os melhores resultados desde 1994

A arrecadação de tributos federais apresentou, em março e no primeiro trimestre, os melhores desempenhos para os dois períodos já registrados [...]

Estadão - 20/04/2021

Produção de aço bruto cresce 4,1% e chega a 2,8 milhões de t em março

A produção brasileira de aço bruto foi de 2,8 milhões de toneladas em março, alta de 4,1% ante o mesmo mês [...]

Estadão - 20/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções