EUA colocam chinesa CNOOC em lista de empresas que ameaçam segurança nacional

Tempo de leitura: 1 minuto

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos colocou a petroleira chinesa Chinese National Overseas Oil Corporation (CNOOC) em uma lista de empresas que representam ameaça à segurança nacional do país. O órgão ainda limitou as exportações de tecnologia para a companhia Skyrizon, também do país asiático.

“As ações imprudentes e beligerantes da China no Mar da China Meridional e seu impulso agressivo para adquirir propriedade intelectual e tecnologia sensíveis para seus esforços de militarização são uma ameaça à segurança nacional dos EUA e à segurança da comunidade internacional”, disse o secretário de Comércio, Wilbur Ross, em um comunicado.

Relacionados

Em discurso, Putin diz que qualquer nação que ameaçar a Rússia se arrependerá

Em seu tradicional discurso anual, nesta quarta-feira, 21, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, fez várias ameaças ao Ocidente, mas, apesar [...]

Estadão - 21/04/2021

Pregão volátil de mercados internacionais não afeta apetite por risco das bolsas

Os mercados internacionais tiveram um pregão volátil nesta quarta-feira, 21, feriado de Tiradentes no Brasil. Durante boa parte do dia, a [...]

Estadão - 21/04/2021

Oi quer incorporar Telemar e braço da BrT para continuar recuperação judicial

A Oi, atualmente em recuperação judicial, propôs aos acionistas duas reorganizações em sua estrutura societária necessárias para levar adiante o plano [...]

Estadão - 21/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções