Advogado de Bolsonaro chega ao Planalto e diz que estão fazendo ‘carnaval’

Tempo de leitura: 1 minuto

O advogado Frederick Wassef, defensor do presidente Jair Bolsonaro e do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), afirmou nesta sexta-feira, 22, que não há provas de que o presidente tentou interferir politicamente na Polícia Federal. Wassef chegou no Palácio do Planalto pouco antes da divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril.

“Se faz um carnaval em cima de uma fita, em cima de um vídeo de uma reunião. Alguém praticaria um ato irregular na presença de 30 testemunhas, 30 ministros de Estados? Não, jamais. O que está se fazendo é tirar o foco da pandemia e de outras coisas e atribuir toda a culpa ao presidente Jair Bolsonaro”, disse.

Relacionados

Cármen Lúcia é sexta ministra do Supremo vacinada contra covid

Aos 67 anos, a ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19 e [...]

Estadão - 20/04/2021

Ministra da articulação política rebate crítica de aliado sobre CPI da Covid

Responsável pela articulação do Palácio do Planalto com o Congresso, a ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda, afirmou nesta terça-feira, [...]

Estadão - 20/04/2021

Juiz bloqueia bens de prefeito acusado de furar fila da vacina em Minas

O juiz Felipe Ceolin Lirio, da 2ª Vara Cível, Criminal e da Infância e da Juventude de Ipanema (MG), determinou o [...]

Estadão - 20/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções