Gestora Truxt foi a responsável pela alta da Boa Safra na estreia na Bolsa

Tempo de leitura: 1 minuto

Em comunicado ao mercado divulgado hoje, a novata Boa Safra Sementes – que estreou na Bolsa de valores brasileira (B3) em 29 de abril – informou que a gestora Truxt Investimentos alcançou participação de 6,75% do total de ações ordinárias (ON) da companhia.

“Os fundos ou carteiras de investimentos geridos pela Truxt adquiriram ações ordinárias de emissão da companhia, passando a deter em conjunto, naquela data (29/04), um total de 7,5 milhões de ações de mesma classe (SOJA3)”, informou o comunicado à CVM.

Isso explica a movimentação expressiva do papel da Boa Safra no dia 29 de abril último, quando o papel valorizou 46,46% na estreia na B3, a maior alta do mercado naquele dia.

O comunicado completa que a Truxt tem “por objetivo investimento e não visa alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da companhia”, informou a Boa Safra.

Relacionados

Eleições locais decidem futuro da Escócia

Pelo menos 50 milhões de britânicos votaram na quinta-feira, 6, para escolher os governos de Escócia e País de Gales e [...]

Estadão - 07/05/2021

Exportações da China saltam 32,3% em abril, na comparação anual

Em meio à recuperação econômica global após o choque da covid-19, as exportações da China saltaram 32,3% em abril em relação [...]

Estadão - 07/05/2021

Ásia: bolsas fecham mistas, com chinesas em baixa apesar de bons dados econômicos

As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta sexta-feira, 7, com perdas na China, apesar de sólidos dados da balança comercial [...]

Estadão - 07/05/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções