BoE: juro negativo ‘não deverá ser contraproducente’, diz Gertjan Vlieghe

Tempo de leitura: 1 minuto

Dirigente do Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), Gertjan Vlieghe disse que a eventual adoção de juros negativos pela instituição não deverá se contrapor a seus objetivos de política monetária. “Minha visão é a de que o risco de juros negativos acabarem sendo contraproducentes para as metas da política monetária é baixo”, afirmou Vlieghe, em discurso feito durante seminário online e publicado no site do BC inglês.

Vlieghe disse que o BoE ainda não chegou a uma conclusão sobre a eficácia de juros negativos, mas ressaltou que, em países que já implementaram a política, a “crescente literatura empírica” mostra que os efeitos “têm sido, de modo geral, positivos”. Atualmente, o juro básico do BoE se encontra na mínima histórica de 0,1%.

Relacionados

Rússia: BC eleva juro básico a 5% e diz que avaliará necessidade de novo aumento

O Banco Central da Rússia decidiu elevar sua taxa básica de juros em 50 pontos-base, a 5%, após concluir reunião de [...]

Estadão - 23/04/2021

Startup loft fecha o maior aporte do Brasil

Após receber um aporte de US$ 425 milhões em março, a startup de compra, reforma e venda de imóveis Loft está [...]

Estadão - 23/04/2021

Especialistas criticam política ambiental brasileira

Em um discurso de quase 7 minutos na abertura da cúpula do clima, o presidente Jair Bolsonaro procurou desenhar um cenário [...]

Estadão - 23/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções