Empresas aéreas europeias poderão suspender pagamento de encargo por até 14 meses

Tempo de leitura: 1 minuto

Companhias aéreas europeias foram autorizadas a suspender o pagamento do encargo de serviços de navegação referente aos meses de fevereiro a maio de 2020, por até 14 meses. A medida, divulgada pelo governo britânico, visa apoiar as empresas do setor, extremamente afetadas pela crise trazida pela pandemia de coronavírus.

“O Eurocontrol, organização que gerencia a cobrança pelos serviços de navegação na Europa, estima que as companhias aéreas europeias possam adiar 1,1 bilhão de euros em tarifas, com a mudança”, diz comunicado do Reino Unido. “O governo do Reino Unido, que detém uma participação de 10% no voto de qualquer ação aprovada pelo Eurocontrol, votou a favor das propostas, ajudando a proteger as companhias aéreas do Reino Unido”, segue a nota.

Relacionados

Em discurso, Putin diz que qualquer nação que ameaçar a Rússia se arrependerá

Em seu tradicional discurso anual, nesta quarta-feira, 21, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, fez várias ameaças ao Ocidente, mas, apesar [...]

Estadão - 21/04/2021

Pregão volátil de mercados internacionais não afeta apetite por risco das bolsas

Os mercados internacionais tiveram um pregão volátil nesta quarta-feira, 21, feriado de Tiradentes no Brasil. Durante boa parte do dia, a [...]

Estadão - 21/04/2021

Oi quer incorporar Telemar e braço da BrT para continuar recuperação judicial

A Oi, atualmente em recuperação judicial, propôs aos acionistas duas reorganizações em sua estrutura societária necessárias para levar adiante o plano [...]

Estadão - 21/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções