Agricultura: Arrecadação com concessão florestal cresce 60% em 2020

Tempo de leitura: 1 minuto

As concessões florestais do governo federal arrecadaram R$ 102 milhões até fevereiro deste ano, segundo o Ministério da Agricultura. O montante considera a soma de todos os pagamentos recebidos das empresas concessionárias desde o início do programa, em 2010, e se refere aos 15 contratos ativos. O programa é coordenado pelo Serviço Florestal Brasileiro (SFB), que é vinculado ao Ministério da Agricultura.

O melhor resultado até o momento foi em 2020, com quase R$ 28 milhões de arrecadação, aumento de quase 60% em relação a 2019. Segundo do diretor de Concessão Florestal e Monitoramento do SFB, Paulo Carneiro, os elevados valores de arrecadação em 2020 são resultado de medidas adotadas para minimizar a inadimplência.

“Desde 2019, o Serviço Florestal Brasileiro vem desenvolvendo ações para a redução da inadimplência dos concessionários e para ter um maior acompanhamento dos pagamentos. Foram assinados termos de parcelamentos dos débitos existentes, o que permitiu aos concessionários retornarem às suas atividades normais resultando no aumento da produção e na recuperação dos recursos devidos”, disse ele em nota.

A pasta explica que as empresas concessionárias fazem pagamentos trimestrais ao SFB, referentes à produção de madeira e demais produtos florestais. O valor do pagamento trimestral de madeira e material lenhoso depende do preço contratado e do montante produzido. No momento da assinatura do contrato, é calculado o Valor de Referência do Contrato (VRC). O VRC é uma estimativa do valor da produção anual para a área contratada, baseado no preço da proposta vencedora.

Relacionados

Cia. Hering rejeita proposta da Arezzo para potencial fusão

A Cia. Hering informou nesta quarta-feira, 14, que o seu conselho de administração decidiu, por unanimidade, rejeitar a proposta de potencial [...]

Estadão - 14/04/2021

Juros caem alinhados a uma melhora do câmbio e com apetite ao risco no exterior

Os juros fecharam a quarta-feira em queda, favorecida pelo apetite ao risco visto no mercado de moedas emergentes, especialmente após declarações [...]

Estadão - 14/04/2021

Dólar cai a R$ 5,67 com exterior enquanto impasse do Orçamento persiste

As incertezas sobre o Orçamento de 2021 persistem, em dia sem novas desdobramentos sobre o tema, mas influenciada pelo exterior positivo, [...]

Estadão - 14/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções