Apenas 1 dos 9 grupos do IPCA teve deflação em fevereiro, mostra IBGE

Tempo de leitura: 1 minuto

Apenas um dos nove grupos que integram o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registraram deflação em fevereiro, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O recuo ocorreu em comunicação (-0,13%), enquanto houve avanços em todos os demais: Alimentação de Bebidas (0,27%), Habitação (0,40%), Artigos de Residência (0,66%), Vestuário (0,38%), Transportes (2,28%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,62%), Despesas Pessoais (0,17%) e Educação (2,48%).

As variações dos grupos Transportes e Educação responderam juntas por cerca de 70% do IPCA de fevereiro.

Em Saúde e Cuidados pessoais, o destaque foi o item higiene pessoal (1,07%), que contribuiu com 0,04 porcentual para o IPCA do mês, seguido por plano de saúde (0,67%) e produtos farmacêuticos (0,27%).

Todas as 16 áreas pesquisadas apresentaram altas de preços em fevereiro.

O maior resultado foi o da região metropolitana de Fortaleza (1,48%), enquanto o mais baixo foi registrado no Rio de Janeiro (0,38%).

Relacionados

Equipe econômica reduziu projeções para despesas com Previdência, diz secretário

O secretário de Orçamento Federal, George Soares, informou nesta sexta-feira que a equipe econômica alterou projeções para as despesas com a [...]

Estadão - 23/04/2021

Bolsas da Europa fecham em baixa com ajuste e cautela com pandemia

As bolsas da Europa fecharam em baixa nesta sexta-feira, 23, apesar da divulgação de indicadores que mostraram uma retomada da atividade [...]

Estadão - 23/04/2021

Proposta republicana a pacote de infraestrutura é 'bom começo', diz Casa Branca

A contraproposta de parlamentares republicanos ao pacote de infraestrutura do governo dos Estados Unidos representa um "bom começo" às negociações bipartidárias [...]

Estadão - 23/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções