Vale confirma funcionários presos em subsolo de mina no Canadá e resgate iniciado

Tempo de leitura: 1 minuto

A Vale confirmou nesta segunda-feira, 27, que 39 funcionários da mineradora estão presos no subsolo na Mina Totten em Sudbury, Ontário (Canadá), desde domingo, e que os trabalhos de resgate já começaram e que todos passam bem.

“Todos estão seguros, com acesso a água, alimentos e remédios. Os empregados sairão por meio de um sistema de escada de saída secundária com o apoio da equipe de resgate da empresa”, diz a companhia em nota.

Segundo a Vale, o incidente ocorreu na tarde do domingo, quando o meio de transporte para transferência dos empregados saiu do eixo, após um incidente no poço.

De acordo com a mineradora, os empregados estavam no subsolo no momento e imediatamente foram para os postos de refúgio como parte dos procedimentos normais.

“A Vale está mantendo comunicação frequente com eles desde o incidente”, afirma a companhia.

Relacionados

Reino Unido registra maior número diário de casos desde meados de julho

O Reino Unido registrou 45.140 novos casos de covid-19 neste domingo, 17, segundo dados governamentais. Esse é o maior número [...]

Estadão - 17/10/2021

EUA: democratas enfrentam prazo cada vez mais curto para aprovar pacotes

O Partido Democrata ainda não chegou a um consenso sobre como reduzir o pacote de gastos que prevê recursos para expandir [...]

Estadão - 17/10/2021

'Se contivermos contágio da Evergrande, preveniremos risco sistêmico', Yi Gang

O presidente do Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês), Yi Gang, afirmou neste domingo que as autoridades [...]

Estadão - 17/10/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções