Taxas futuras de juros sobem com dólar em véspera de alta da Selic

Tempo de leitura: 1 minuto

A terça-feira é novamente de alta nos juros futuros, em véspera de aperto monetário pelo Copom e em sintonia com o avanço do dólar ante o real e outras moedas emergentes. Também hoje tem leilão de NTN-B (11h) e o investidor monitora depoimentos na CPI da Covid e a apresentação do relatório da reforma tributária na Câmara. Às 9h16, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 estava em 8,55%, de 8,50% no ajuste de segunda-feira. O DI para janeiro de 2023 subia a 6,47%, e o para 2022 ia para máxima de 4,76%, de 4,74% no ajuste anterior.

Relacionados

Presidente da dona da Fiat vê piora no cenário de falta de peças até junho

O segundo trimestre será o mais severo para a indústria automobilística brasileira, que pode voltar a suspender a produção por causa [...]

Estadão - 07/05/2021

BIP seria porta de entrada no mercado de trabalho

Dentro da equipe econômica, a criação do Bônus de Inclusão Produtiva (BIP) é vista como "porta de entrada" no mercado de [...]

Estadão - 07/05/2021

IBGE: piora da pandemia prejudicou todo segmento do varejo, exceto supermercados

O recrudescimento da pandemia de covid-19 e as medidas restritivas necessárias para o combate à disseminação do novo coronavírus prejudicaram de [...]

Estadão - 07/05/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções