Energisa: São João Energética é condenada a pagar R$ 110,2 mi em disputa arbitral

Tempo de leitura: 1 minuto

A holding de energia Energisa informou nesta segunda-feira, 3 que a São João Energética foi condenada a pagar à empresa o valor histórico de

R$ 110,2 milhões. O montante deve ser corrigido pelo IPCA e acrescido de juros de 1% ao mês, a contar de 22 de outubro de 2016. A São João também terá que ressarcir os custos e despesas incorridas que a holding teve com a arbitragem.

Segundo a Energisa, a sentença em arbitragem sigilosa ainda está sujeita a eventual pedido de esclarecimentos a ser apresentado pelas partes.

A São João é uma sociedade anônima de capital fechado pertencente ao Grupo Brookfield, que atua em gerenciamento de ativos e investimentos. Em 2014, a São João comprou diversas empresas da Energisa, em um negócio avaliado em R$ 1,4 bilhão.

Relacionados

Pelosi: payroll reforça necessidade por investimentos sociais e em infraestrutura

O "decepcionante" resultado do relatório de empregos de abril dos Estados Unidos reforça a "necessidade urgente" de aprovar os planos de [...]

Estadão - 07/05/2021

OMS: apoio à quebra de patentes dá suporte significativo à equidade de vacinas

Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom disse que o apoio dos Estados Unidos à quebra de patentes de [...]

Estadão - 07/05/2021

União honrou R$ 477,74 milhões em dívidas de Estados em abril, diz Tesouro

O Tesouro Nacional precisou desembolsar R$ 477,74 milhões em abril para honrar débitos bancários com garantias da União que não foram [...]

Estadão - 07/05/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções