Defesa de Wilson Witzel recebe com ‘grande surpresa’ afastamento do governador

Tempo de leitura: 1 minuto

A defesa do governador Wilson Witzel (PSC) disse receber com “grande surpresa” a decisão de afastamento por 180 dias do cargo de chefe do Executivo do Estado do Rio de Janeiro. “A defesa do governador Wilson Witzel recebe com grande surpresa a decisão, tomada de forma monocrática e com tamanha gravidade. Os advogados aguardam o acesso ao conteúdo da decisão para tomar as medidas cabíveis”, afirma nota divulgada na manhã desta sexta-feira, 28.

Witzel foi afastado do cargo por decisão do ministro do Superior Tribunal de Justiça Benedito Gonçalves, relator da Operação Placebo. A medida faz parte da Operação “Tris in Idem” que faz buscas em seis Estados e no Distrito Federal, além de tentar prender 17 pessoas, entre elas o Pastor Everaldo, presidente do PSC, e o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do Rio Lucas Tristão.

Relacionados

Vice-líder do governo diz que Planalto falhou ao não conseguir maioria em CPI

O senador Jorginho Mello (PL-SC), vice-líder do governo no Congresso, afirmou que o Palácio do Planalto falhou na articulação política na [...]

Estadão - 23/04/2021

PF de Bolsonaro prende e apura menos

No governo Jair Bolsonaro, a Polícia Federal faz menos operações, prende menos bandidos e apreende menos armas do que no último [...]

Estadão - 23/04/2021

Pazuello é transferido para Secretaria Geral do Exército

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello foi transferido para a Secretaria-Geral do Exército. Com isso, o general deixou de estar ligado [...]

Estadão - 23/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções