Rio Bravo: Olhar Atento | Alta na inflação

Tempo de leitura: 1 minuto

A inflação surpreendeu para baixo em setembro, registrando alta de 1,16% no mês. No acumulado em 12 meses a inflação ficou em 10,25%. As principais surpresas aconteceram em alimentação, artigos de residência, vestuário e transportes, que podem já estar refletindo efeitos de uma demanda mais baixa devido à alta nos preços. Essa queda na demanda foi mostrada nos dados de vendas no varejo de agosto. Será preciso acompanhar os dados de inflação de outubro para avaliar se os preços vão de fato perder força, ou se essa surpresa foi um evento único. Os primeiros dados apontam uma pressão inflacionária ainda elevada para muitos setores. Com isso em vista, não alteramos nossas expectativas de inflação e de Selic. O resultado do IPCA de setembro reforça o comunicado do Copom de novas altas de 100 bps.

Relacionados

Apito Final | Teto de gastos perde credibilidade com artimanhas do governo para pagar auxílios

Internacional • Queda no petróleo e indicadores positivos nos EUA fazem S&P fechar em alta. Brasil Com novo Bolsa-Família expandido e auxílio diesel, rombo [...]

Rafael Gabriel Pacheco - 21/10/2021

Rio Bravo: Olhar Atento | "Furar" teto de gastos

A confirmação de que a opção de furar o teto de gastos está sendo defendida também pelo Ministério da Economia, mostra [...]

Rio Bravo - 21/10/2021

Guide Empresas: Gafisa reporta lançamentos pela primeira vez no ano; CCR Assina Concessão de nove aeroportos na Região Sul; e mais!

Gafisa (GFSA3): Gafisa reporta lançamentos pela primeira vez no anoImpacto: PositivoCCR (CCRO3): CCR Assina Concessão de nove aeroportos na Região SulImpacto: [...]

Luis Gustavo Pereira - 21/10/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções