CabeçalhoConteúdoNewsletterRodapé

Cotações por TradingView

Guide Mercados Hoje: “tempestade perfeita” mantém investidor cauteloso e volatilidade em alta

6 de maio de 2022
Tempo de leitura: 6 min
Compartilhar
Mercados Hoje - toalha vermelha com prato de torradas, xícara e jornal com gráfico indicando crescimento
Tempo de leitura: 6 min

No Mercados Hoje falamos sobre a abertura do mercado e listamos os principais acontecimentos do noticiário e da agenda econômica no dia.

Confira o relatório de 06 de Maio de 2022!

Mercados Globais:

Ativos de risco estão ensaiando mais uma sessão negativa ao redor do mundo, com bolsas europeias e índice futuros das bolsas de Nova Iorque no vermelho após quedas de 3,5% e 5,0, respectivamente, do S&P 500 e da Nasdaq na sessão de quinta-feira. Na Ásia, bolsas também registraram quedas relevantes, com destaque para índices chineses, após autoridades governamentais reforçarem a política de “tolerância zero” com o coronavírus e deixarem cada vez mais claro que, de fato, a situação sanitária deverá se sobrepor à meta de crescimento econômico de Pequim. Mais cedo, dados de produção industrial na Alemanha, principal economia europeia, também mostraram uma piora muito superior ao previsto, reforçando as dificuldades econômicas impulsionadas pela guerra.

O receio de que o Fed não consiga controlar a inflação sem levar a maior economia do mundo a uma recessão, combinado à piora das perspectivas com o crescimento do PIB chinês e à forte incerteza sobre o futuro da guerra no leste europeu estão constituindo uma tempestade perfeita no cenário para investidores, que estão preferindo descarregar suas carteiras de posições de risco. Sem “luz no fim do túnel” no radar, a tendência é a manutenção de alta volatilidade, característico de bear markets. O dólar índice opera em queda, mesmo que ainda em patamar bastante elevado, e os yields americanos mantêm trajetória de alta.

Hoje, as atenções deverão se voltar ao relatório oficial de emprego de abril nos EUA, que deve apontar a criação liquida de aproximadamente 400 mil vagas, além de uma taxa de desemprego em 3,5%. O destaque da leitura, no entanto, será a variação do salário médio por hora trabalhada (est.: +0,4% a/a), que pode adicionar pressão sobre as perspectivas de inflação na principal economia do mundo se superar estimativas.


Nikkei 225: CSI 300: Stoxx 600: S&P Futuro: DXY: Juro T10: Petróleo (Brent Crude – ICE):
+0,69%
27.004
-2,53%
3.908
-1,57%
431,34
-0,81%
4.121
-0,43%
103,28
+2,5 BPS
3,09% a.a.
+2,04%
US$ 113,16/barril


AGENDA INTERNACIONAL
03h00 – Alemanha – Produção industrial (mar): -3,9% m/m (est.: -1,0% m/m) – Destatis
09h30 – EUA – Relatório de emprego (abr) – BLS
10h15 – EUA – Discurso J. Williams – Fed (NY)
16h00 – EUA – Discurso R. Bostic – Fed (Atlanta)
20h15 – EUA – Discurso J. Bullard – Fed (St. Louis)
21h00 – EUA – Discurso M. Daly – Fed (S. Francisco)


MANCHETES

Valor Governo quer isentar de Imposto de Renda investimento estrangeiro em renda fixa corporativa. O governo pediu ao Congresso que inclua no projeto de lei do marco de garantias (PL 4188/2021) uma isenção de Imposto de Renda para investimentos estrangeiros em títulos de renda fixa corporativos (debêntures, debêntures incentivadas, CRI e CRA). A medida é uma tentativa de atrair recursos externos e diminuir a cotação do dólar, além de reduzir o custo de captação de recursos pelas empresas (ao minorar também o custo para quem investe).

ValorUnião negocia R$ 265 bi de dívidas com contribuintes. Empresas e pessoas físicas negociaram com a União, desde 2020, o valor de R$ 263 bilhões em acordos para o pagamento de dívidas fiscais. Em abril, o número chegou a 1,1 milhão de acordos. Os contribuintes têm utilizado a chamada “transação tributária” para negociar débitos com a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), que pode conceder descontos e parcelamentos.

O GloboPetrobras registra lucro de R$ 44,56 bilhões no primeiro trimestre, alta de mais de 3.700%. A Petrobras registrou lucro líquido de R$  44,561  bilhões no primeiro trimestre deste ano.  O resultado é bem maior que o de R$ 1,16 bilhão obtido no mesmo período do ano passado, quando a empresa ainda sofria os impactos da pandemia. É uma alta de 3.718,4% na comparação com o mesmo período do ano passado.

CNNBolsonaro diz que lucro da Petrobras é “estupro”. O presidente Jair Bolsonaro (PL) classificou, durante uma live transmitida em suas redes sociais, nesta quinta-feira (5), os lucros da Petrobras como um “estupro”. O presidente disse ainda que a estatal “não pode mais aumentar o preço dos combustíveis, isso é um crime”. Bolsonaro também criticou os salários de parte dos funcionários da empresa. “As pessoas da Petrobras ganham 200 mil reais, esse povo não está preocupado com o preço dos combustíveis”.



AGENDA BRASIL
08h00 – IGP-DI (abr): +0,41% m/m (est.: +0,88% m/m) – FGV Ibre
10h00 – Produção de veículos (abr) – Anfavea


E os Mercados Hoje?

Mercados globais estão dando sequência às quedas de ontem, sem melhoras em um cenário conturbado e com relatório de emprego americano de abril no radar dos investidores. No Brasil, o mercado valia desaceleração maior do que o esperado no IGP-DI de abril, mas deverá seguir refém do ambiente de maior aversão a risco que toma conta dos mercados a nível mundial, com incertezas com Fed, China e guerra se unido para formar uma “tempestade perfeita”, tombar perspectivas com o crescimento do PIB global e catapultar a volatilidade dos ativos de risco. No pano de fundo, o investidor também reage ao ‘escândalo’ do presidente ao avaliar mais um resultado forte da Petrobras em meio a apresentação de iniciativa do governo para atrair capital estrangeiro ao país (vide Manchetes).


Sobre o fechamento do último pregão:

Ibovespa: 105.304 (-2,81%)
BRL/USD: 5,01 (+2,30%)
DI Jan/27: 12,18 (+37 bps)
S&P 500: 4.147 (-3,55%)


Disclaimer: Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores,  para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo.  Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações. Os analistas responsáveis pela elaboração deste relatório declaram, nos termos do artigo 21 da Resolução CVM nº 20, que: (I) Quaisquer recomendações contidas neste relatório refletem única e exclusivamente as suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente, inclusive em relação à Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores.

Compartilhar artigo

Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores, para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo. Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.

Graduado em Administração de Empresas e Economia pelo Insper. Integra a equipe econômica da Guide há mais de 1 ano. Atualmente atua como economista no segmento de varejo, sendo responsável pela confecção de relatórios e de comitês mensais com intuito de embasar recomendações de alocação de recursos no cenário político-econômico.

Veja também