Guide Empresas – Castello Branco é indicado ao conselho da Vale; Simqia deve apresentar novas aquisições até o final de março; e mais…

Tempo de leitura: 8 minutos


EDP Energia: Cia reserva R$10 bi para seu plano estratégico até 2025

Impacto: Positivo
Setor de Telecom: Empresas aceleram disputa por redes neutras de fibra ótica 

Impacto: Positivo
Sinqia: Cia pode concluir novas aquisições até o final desse mês 

Impacto: Positivo
Vale: Castello Branco vai disputar assento no conselho da mineradora

Impacto: Positivo

Confira os destaques de hoje:

EDP Energia: Cia reserva R$10 bi para seu plano estratégico até 2025

O plano estratégico mais ambicioso da história do grupo português EDP, conta com uma quantia já reservada de R$ 10 bilhões para investir em sua subsidiária brasileira até 2025.

A partir deste ano, a elétrica deve intensificar os aportes nas atividades de distribuição e transmissão de energia, ao mesmo tempo em que busca oportunidades de crescimento em geração solar e retoma plano de “reciclagem” de capital por meio da venda de ativos.

O CEO global da EDP, Miguel Stilwell d’Andrade, afirmou, em entrevista com o jornal Valor Econômico, que o Brasil seguirá entre as principais plataformas do grupo nos próximos anos, ainda que o plano geral de investimentos contenha um foco maior nos mercados europeu e norte-americano.

Após concluir um processo de reestruturação, com troca em diretorias, presidências e conselhos, o grupo português decidiu acelerar sua transição para um portfólio de geração 100% renovável, se comprometendo a neutralizar suas emissões de carbono até 2030 – hoje, ainda opera algumas térmicas a gás e a carvão, inclusive no Brasil.

Para que consigam atingir esta meta, o patamar de investimentos anuais irá aumentar de € 2,9 bilhões para € 4,8 bilhões, somando € 24 bilhões até 2025. Desse total, 80% irá para projetos renováveis.

Impacto: Positivo. O plano inclui intensificação de aportes nas atividades de distribuição e transmissão de energia, ao mesmo tempo em que busca oportunidades de crescimento em geração solar e retomará o plano de “reciclagem” de capital através de venda de ativos. Na nossa visão, este pode alavancar grande valor para a companhia ao longo dos próximos anos.

Setor de Telecom: Empresas aceleram disputa por redes neutras de fibra ótica

A disputa entre as principais operadoras de telecom para sair na frente com as “redes neutras” de fibras ópticas está ganhando velocidade.

Na última semana, ocorreram movimentos de empresas envolvendo diferentes estágios relativos a acordos no setor tendo como alvo ativos de fibra. Um acordo foi iniciado pela TIM Brasil, outro celebrado pelo Telefônica, dona da Vivo, e uma negociação exclusiva foi estendida pela Oi. 

A Telefônica e a TIM avançaram em seus planos de conquistar um sócio para suas redes. Ambas as companhias decidiram cindir a infraestrutura de fibra das demais operações, ganhar fôlego financeiro com um sócio e lançar no mercado uma empresa que poderá atender outras companhias para uso das suas redes em igualdade de condições.

Enquanto isso, a Oi, e um fundo gerido pelo BTG Pactual, renovou o prazo para negociação exclusiva do ativo de fibra da operadora em recuperação judicial. O prazo inicial venceria no dia 6 de março.

A Telefônica, que se encontra hoje em estágio mais avançado nesse processo, anunciou seu sócio no dia 2 de março. O acordo foi feito pelo Grupo Telefónica, da Espanha, com a Caisse de dépôt et placement du Québec (CDPQ), um grupo de investimento global que vai injetar R$ 1,8 bilhão na joint venture. 

Impacto: Positivo. As companhias estão focadas em seus planos voltados para ativos de fibra. O movimento pode acelerar a consolidação do mercado de teles, com as empresas disputando por tornar seu portfólio mais robusto e completo. É necessário se atentar em qual será a neutralidade das redes que as teles estão buscando.

Sinqia: Cia pode concluir novas aquisições até o final desse mês 

A Sinqia, fornecedora de sistemas e serviços para o setor financeiro, ensaia anunciar novas aquisições ainda este mês, de acordo com o diretor financeiro da empresa, Thiago Rocha, para o jornal Valor Econômico.

Ontem, em teleconferência de resultados com analistas, a companhia afirmou que existem no momento três memorandos de intenções assinados e que nestes casos, a Sinqia fechará negócio com empresas que desenvolvem tecnologias de contato direto com clientes de instituições financeiras, como aplicativos de adesão de novos correntistas a contas digitais.

Em 2020, suas três aquisições foram voltadas aos bastidores. Entre agosto e novembro, a Sinqia anunciou as aquisições da Itaú Soluções Previdenciárias (ISP), por R$ 82 milhões, da Tree Solution, por R$ 13,3 milhões, e da Fromtis, por R$ 19 milhões, reforçando suas ofertas, em previdência, bancos e fundos, respectivamente.

Seus resultados do 4T20 vieram fortes. A companhia conseguiu aproveitar grandes oportunidades em 2020, especialmente devido a aceleração da transformação digital em diferentes setores. O balanço, segundo o executivo, refletiu não somente a necessidade de digitalização de empresas de serviços financeiros, mas uma média maior de investimentos, o ticket médio, por projeto.

Impacto: Positivo. A empresa anunciou aquisições em 2020, e mostra que dá sequência a sua agenda de M&As, podendo  divulgar novas compras até o final de março. Está estratégia permite com que a empresa melhore o seu nível de serviço e amplie sua rede de atuação, ganhando mais participação no mercado.

Vale: Castello Branco vai disputar assento no conselho da mineradora

Após movimentada saída da Petrobras, com a intervenção do presidente Jair Bolsonaro, o substituindo pelo general Joaquim Silva e Luna, o economista Roberto Castello Branco deve concorrer a uma vaga no conselho de administração da Vale.

Mais do que isso, o executivo ainda pode disputar a presidência do colegiado da mineradora nas eleições para renovar o conselho, marcadas para a Assembleia Geral Ordinária (AGO) da companhia, que está agendada para ocorrer no dia 30 de abril.

A candidatura de Castello Branco ao conselho da Vale foi confirmada ontem por um grupo de investidores da companhia que resolveu lançar nomes alternativos à lista de 12 pessoas apresentada, na véspera, pela empresa para a eleição na AGO.

Além deste nome, aparecem outros três candidatos na relação dos investidores: o consultor Mauro Cunha, a contadora Rachel Maia e o advogado Marcelo Gasparino. A lista conta com o apoio dos investidores Geração Futuro LPar, Vic DTVM, Tempo Capital, Argucia Capital e RPS Partners, entre outros. 

Impacto: Positivo. Alguns acionistas da Vale que apoiam candidaturas alternativas inclusive indicaram Castello Branco para concorrer à presidência do conselho. O executivo provou sua resiliência na Petrobras, e estava seguindo o plano de recuperação da companhia. Por isso, pode ser um bom ativo para a Vale.

Contatos
Conheça o nosso time de especialista da área de Investimentos.

RENDA VARIÁVEL
[email protected]

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é assinatura-chapadeiro.png
Luis Sales – CNPI
[email protected]

“Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores,  para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo.  Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.Os analistas responsáveis pela elaboração deste relatório declaram, nos termos do artigo 21 da Instrução da CVM N° 598/2018, que: (I) Quaisquer recomendações contidas neste relatório refletem única e exclusivamente as suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente, inclusive em relação à Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores.”

Relacionados

Apito Final | (Ainda) entre a cruz e a espada

Internacional Sem novidades no radar, ativos internacionais dão continuidade a perdas após testar máximas consecutivamente nas últimas semanas;Em dia fraco de indicadores, [...]

Alejandro Ortiz Cruceno - 20/04/2021

Rio Bravo: Olhar Atento |O PLN

O Congresso aprovou ontem o PLN que reedita o Programa de Manutenção do Emprego e da Renda e o Pronampe, duas [...]

Rio Bravo - 20/04/2021

Guide Empresas - Vale e Carrefour divulga dados operacionais do 1T21; BRMalls retoma operações de Shoppings

Vale: Cia apresenta dados de produção referente ao 1T21Impacto: NeutroCarrefour: Cia divulga dados de vendas do 1T21Impacto: Marginalmente PositivoBrMalls: Cia anuncia [...]

Luis Sales - 20/04/2021
Logo o guia financeiro

Entrar

Como deseja continuar?

Abra sua conta

Preencha os campos abaixo
ou use uma das opções