CabeçalhoConteúdoNewsletterRodapé

Cotações por TradingView

Carteira recomendada de Dividendos

2 de março de 2020
Escrito por Luis Sales
Tempo de leitura: 1 min
Compartilhar
Tempo de leitura: 1 min

Em Fevereiro, a Carteira de Dividendos encerrou o mês com desempenho negativo, abaixo do seu índice de referência (IDIV). Não tivemos ações com desempenho positivo no período. Na ponta negativa, os papéis da IRB impulsionaram as perdas da carteira, em função dos recentes questionamentos em relação as práticas contábeis da companhia, levantado por um player do mercado. Em contraparte, a empresa publicou seu resultado referente ao 4T19, dando maior abertura em relação aos seus números, diminuindo a desconfiança do mercado, o que reduziu o impacto negativo ao longo do mês.

No mês, a Carteira de Dividendos desvalorizou em 7,6%, enquanto o IDIV teve queda de 6,2%, representando uma diferença de cerca de 1,4%. No acumulado do ano, a carteira apresenta desempenho negativo, porém ainda 5,0% acima do índice de referência (IDIV).

Para o mês de Março, optamos por retirar os ativos do Banco do Brasil para dar entrada as ações da Engie. Em meio ao cenário ainda incerto, com o risco de propagação do corona vírus, optamos por aumentar a exposição ao setor de energia e a Engie segue melhorando sua estrutura de capital, investindo em energia contratada a fim de reduzir a volatilidade dos preços no segmento de geração e possui uma das melhores administrações entre as empresas do setor elétrico, estando bem posicionada contra o risco hídrico, além de manter ótima perspectiva de fluxo de dividendos.

A taxa de dividendo anual (dividend yield) estimada para a carteira para os próximos 12 meses está por volta de 4,2%.

As nossas premissas para a escolha de ativos seguem as mesmas. Continuamos procurando empresas: (i) sólidas e com ótima administração; (ii) geração de caixa expressiva; (iii) negócios mais resilientes e (iv) com alto poder de repasse de preços.

 

Acesse aqui

 

Compartilhar artigo

Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores, para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo. Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.

Formado em Administração de Empresas pela FEA/RP-USP, iniciou sua trajetória no mercado financeiro em 2011. Possui cinco anos de experiência no ramo de consultoria financeira e estratégica empresarial e atualmente exerce o cargo de analista de empresas na Guide Investimentos.

Veja também